30 de jun de 2010

Adeus Orkut?


Segundo rumores, a Google estaria em um novo projeto de redes sociais para bater frente a frente com o Facebook. Esse projeto teria um codinome de "Google Me". Após o fracasso do Buzz e a decadência do Orkut, a Google projetaria uma rede social quase do zero para buscar uma fatia do sucesso do Facebook, já que as reformulações do Buzz e do Orkut já não têm mais agradado o usuário e não foram suficientes para considerá-las redes sociais bem-sucedidas.

Muitos usuários reclamaram que suas contas do Orkut agora estão integradas ao Gmail, e, por isso, consideraram que isso possa ter afetado sua privacidade e segurança, que aliás, o Orkut foi criticado também pela falta de segurança em enviar e receber scraps. Quem tem conta no Orkut somente, deveria também criar uma nova conta no Facebook e/ou Twitter, pois "previsões futurísticas" para o Orkut não são nada animadoras. Afinal, só os brasileiros restaram nessa rede e até eles mesmo estão migrando para outras redes.

O problema da Google em criar novas redes sociais é que ela faz muita experiência desastrosa e na maioria das vezes, sem avisar os usuários com antecedência. O papel de parede personalizado da Google foi muito criticado e a própria não tinha ainda um menu de remover o papel de parede, fazendo com que ficasse igual ao Bing da Microsoft. Bom, para mim, isso não mudou em nada mesmo, pois uso a barra lateral do Firefox para as buscas. Esse "Google Me" seria mais uma tentativa de cativar os usuários a experimentar uma rede social alternativa ao Facebook? A Google, novamente, apostaria em sua base ampla de usuários cadastrados para fazer o projeto emplacar. Porém, nem mesmo essa base garantiu que o Wave e o Buzz fizessem sucesso entre os usuários.

Fontes referenciais: UOL Tecnologia, Info Online.

6 comentários:

  1. Sinceramente, faz muito tempo que eu não dou mais bola pro orkut... Aquilo pra mim só serve pra gerar ciúmes entre casais e amigos, com seus aplicativos que promovem tietagem explícita. Mas enfim, queixa particular minha.
    Eu larguei o orkut quando as comunidades que eu frequentava começaram a avacalhar...
    O fracasso do Buzz pra mim se atribui ao sucesso do Twitter, pq o Buzz é praticamente uma cópia, com uma coisinha ou outra a mais...
    E outra coisa, eu tb acho o Google muito invasivo, eu odiei ter o povo do orkut no meu gtalk automaticamente... Se todo aplicativo novo for desse jeito... ¬.¬

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante, Ocho. Eu estava me perguntando isso também, por que eu acho o Orkut um saco hoje.

    E aí, um amigo meu, especialista em aplicativos para redes sociais, explicou tudo: segmentação de mercado. O Orkut se segmentou para as faixa etária de 18 a 24 anos.

    No entanto, em termos de invasão de privacidade e descaso pela opinião dos usuários, o Facebook é o ichiban. Daí a minha dúvida inicial: se o Facebook, enquanto ferramente, é muito pior, porque eu acho o Orkut um saco atualmente?

    A resposta tá no comentário da Adriane: "Eu larguei o Orkut quando as comunidades que eu frequentava começaram a avacalhar..." Exato.

    Inicialmente, havia pessoas interessantes, discutindo coisas interessantes. Agora, ele se esforçou para agradar jovens de 18 a 24 anos. E, cá pra nós, eu tenho 37 anos com espírito de 93 anos! :)

    Vale a pena ver o post do meu amigo Alex:

    http://oglobo.globo.com/blogs/socialecasual/posts/2010/06/04/com-que-rede-eu-vou-297074.asp

    ResponderExcluir
  3. Gostei do post, Moriah. Mostra um pouco realmente dos objetivos de cada rede, apesar de que tais objetivos se formaram durante as aceitações ou não das pessoas.

    Orkut eu até tenho ainda, mas só pra ver o niver de colegas brasileiros e qdo me mandam alguma mensagem.

    Facebook eu uso para manter contato com outras contas de nacionalidades diferentes. Confesso que não o uso plenamente.

    E também acho que temos redes sociais demais. Nao adianta ser uma copia de um que já domina que não vai emplacar.

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda mantenho Orkut para contatos jornalísticos. Ou seja, pauto matérias com artistas, recebo fotos, dentre outros. Contudo, essa rede social realmente apresenta mais malefícios do que benefícios. Legal o poste. Parabéns e abraços!

    ResponderExcluir
  5. Quando a Google comprou o Orkut, este ainda estava em pleno auge de audiência. Já começou mal quando o Orkut foi incrementado ao Gmail. Caiu pontos, pois Orkut era sinal de posts lixos e insegurança na rede.
    Ponto positivo da Google foi a continuação do sucesso do You tube.

    ResponderExcluir
  6. JÁ CURTI MUITO O ORKUT, AGORA SO USO COMO ALBUM, P/ GUARDAR MINHAS FOTOS. AGORA A ONDA É FACEBOOK. PRA MIM ATÉ O TWITTER DANÇOU NA PARADA. DEPOIS DO FECE, O QUE VIRA?

    ResponderExcluir