30 de jun de 2010

Adeus Orkut?


Segundo rumores, a Google estaria em um novo projeto de redes sociais para bater frente a frente com o Facebook. Esse projeto teria um codinome de "Google Me". Após o fracasso do Buzz e a decadência do Orkut, a Google projetaria uma rede social quase do zero para buscar uma fatia do sucesso do Facebook, já que as reformulações do Buzz e do Orkut já não têm mais agradado o usuário e não foram suficientes para considerá-las redes sociais bem-sucedidas.

Muitos usuários reclamaram que suas contas do Orkut agora estão integradas ao Gmail, e, por isso, consideraram que isso possa ter afetado sua privacidade e segurança, que aliás, o Orkut foi criticado também pela falta de segurança em enviar e receber scraps. Quem tem conta no Orkut somente, deveria também criar uma nova conta no Facebook e/ou Twitter, pois "previsões futurísticas" para o Orkut não são nada animadoras. Afinal, só os brasileiros restaram nessa rede e até eles mesmo estão migrando para outras redes.

O problema da Google em criar novas redes sociais é que ela faz muita experiência desastrosa e na maioria das vezes, sem avisar os usuários com antecedência. O papel de parede personalizado da Google foi muito criticado e a própria não tinha ainda um menu de remover o papel de parede, fazendo com que ficasse igual ao Bing da Microsoft. Bom, para mim, isso não mudou em nada mesmo, pois uso a barra lateral do Firefox para as buscas. Esse "Google Me" seria mais uma tentativa de cativar os usuários a experimentar uma rede social alternativa ao Facebook? A Google, novamente, apostaria em sua base ampla de usuários cadastrados para fazer o projeto emplacar. Porém, nem mesmo essa base garantiu que o Wave e o Buzz fizessem sucesso entre os usuários.

Fontes referenciais: UOL Tecnologia, Info Online.

24 de jun de 2010

Exposição: Parallel Nippon

Até essa última semana, houve, em Curitiba, uma exposição de amostras em fotografia da arquitetura contemporânea japonesa, mostrando as mais variadas obras arquitetônicas no Japão e no Mundo feitas por arquitetos e engenheiros japoneses.

Com o tema: "PARALLEL NIPPON - Arquitetura Contemporânea Japonesa 1996-2006", a mostra é uma iniciativa de intercâmbio artístico e foi concebida para apresentar a cultura arquitetônica japonesa ao público mundial.

Os pouco mais de dez anos de pós-estouro da bolha econômica caracterizaram um período de grandes mudanças para a sociedade japonesa. Houve também um crescimento de desigualdade entre as metrópoles e as cidades regionais, seguida por uma desvalorização do preço do terreno nos centros urbanos e pela concentração populacional ainda maior nas metrópoles.

Nesse período, os arquitetos japoneses procuraram soluções de inovações de obras arquitetônicas a fim de valorizar novas formas de viver em várias regiões do Japão. Essa busca resultou na realização de inúmeras belíssimas obras arquitetônicas, abrindo caminhos para novas maneiras de morar e de viver.

Essa mostra foi concebida para apresentar a realidade da arquitetura japonesa, que busca desenhos criteriosos e inserção das demandas, na qual, foi levada para 71 países. Abaixo, pode-se conferir algumas fotos dessa mostra.

Cartaz da Mostra


Estação de Metrô em Tokyo


Prédio em Hoppongi - Tokyo


Edifício Dentsu em Tokyo


KAGOSHIMA COMMUNITY CENTER em Kagoshima


Museu de Arte em Gunma


Novo Museu Nacional em Tokyo


OBS: Tive o prazer de visitar alguns lugares desses, apesar do pouco tempo em que estive no Japão. A sensação de visitar tais lugares é indescritível e onipotente. Mas, mesmo não podendo visitar pessoalmente, vale a pena conferir o trabalho na mostra.

Mais fotos e informações no link abaixo:
http://www.japan-architect.co.jp/english/2maga/ja/ja0065/mainfr.html

14 de jun de 2010

Morretes (PR)


Cidade histórica do Paraná, situada na região litorânea, descendo a Serra do Mar, Morretes é famosa também pelo seu famoso prato típico: o Barreado (ver link aqui). Além disso, Morretes possui casas históricas com suas ruas em paralelepípedo, mantendo a arquitetura tradicional da época Brasil-Colônia.


Porém, uma das principais atratrões da cidade é o Rio Nhundiaquara, que corta a cidade, dando uma bela paisagem às margens do rio, aliando também aos restaurantes e bares que se situam nas margens, dando ao visitante, um almoço com vista às águas do Rio Nhundiaquara e sua vegetação riquíssima.


É também em Morretes que fica o Pico Marumbi, cuja montanha é sempre visitada com escalas até o topo. O visual da manhã com neblinas e nuvens na Serra do Mar e o visual do pôr-do-sol são um espetáculo a parte.


Durante a alta temporada, dá para fazer passeios em bote e em bóias nas correntezas do Rio Nhundiaquara. Sempre com instrutores para coordenar os pontos mais seguros para as travessias. À noite, uma opção de passeio é nas margens do rio e no centro histórico da cidade, onde há alguns coretos em praças, onde, de vez em quando, há apresentações de bandas, como nas épocas antigas. Há alguns restaurantes nas margens do rio que abrem à noite funcionando como bares, com música ambiente ao vivo, além de pizzarias no centro da cidade.


Enfim, é um passeio agradável, onde você esquece a rotina de cidades grandes. Morretes fica a apenas 69 km de Curitiba, em direção ao litoral paranaense. Outra opção de transpote: para quem sai de Curitiba, dá para viajar de trem até a estação da ALL de Morretes, cruzando a Serra do Mar, numa paisagem espetacular. Um roteiro recomendadíssimo para quem for visitar o litoral do Paraná.

11 de jun de 2010

O que uma rede social não faz...


“Bem, amigos do Blogger”. Não assisti à cerimônia de abertura da Copa do Mundo na África do Sul, mas bem que queria ter visto um pouco... e também ter acompanhado no Twitter ao mesmo tempo. A verbete "Cala boca Galvão" foi o termo mais twittado no mundo durante a transmissão da Copa na TV. Em seguida, o mundo inteiro olha atônito para a lista de termos mais utilizados no Twitter e pergunta: WHO IS “CALA BOCA GALVAO”?? Por causa da falatória do Galvão Bueno durante a cerimônia de abertura, o Twitter foi bombardeado com as críticas ao narrador que ganharam o mundo.


O "cala boca Galvão" desbancou termos como Alicia Keys e Black Eyed Peas, mostrando que os brasileiros estavam bem ligados com as redes sociais na ocasião (devido, claro, do enorme interesse do brasileiro em copas). A maioria dos tweets eram de críticas aos comentários do narrador mais famoso e mais avacalhado do Brasil. A maior reclamação é que ele passou o show de abertura falando e falando, inclusive durante as apresentações musicais.

Com isso, a verbete virou piada entre os usuários brasileiros do Twitter. Quando muitos usuários lá fora perguntam o que a frase significa, alguns brasileiros resolveram inventar uma história para "enrolar" os gringos e se divertirem às custas do locutor brasileiro. Segundo twitteiros brasileiros, "Galvão" seria um pássaro raro, e “Cala a boca” significa "salvar" em inglês ("Salve o pássaro Galvão!"). Logo, o Trending Topic seria para salvar a biodiversidade brasileira! (hahaha)

Outra ideia dos twitteiros: disseram que, a cada vez que a expressão “Cala boca Galvão” for twittada, 10 centavos serão enviados para a “Galvao Bird’s Foundation”.


Bom, não sou fã de Galvão Bueno e ele pode ser mesmo uma mala sem alça, mas respeito o trabalho dele durante toda sua carreira. Afinal, queira ou não, o Galvão é um ícone da mídia esportiva brasileira. Mas, que é divertido ver as pérolas dele e as críticas a ele... realmente não tem preço. XD

Link: You Tube - "Não é possível, Arnaldo. A física não permite!"

7 de jun de 2010

J- Dorama (III) : Attention Please (アテンションプリーズ)


"Atenção, por favor!" Uma roqueira decide ser comissária de bordo de uma das maiores companhias aéreas do Japão, a Japan Airlines. Mas para isso, precisa passar por uma série rigorosa de treinamentos e avaliações antes de ingressar na carreira... Bom, já se tem uma noção básica de como deve ser o desenrolar da estória, certo?

Esta é a 2a versão, criada em 2006, que na verdade, sua versão original fora elaborada em 1970. É uma estória, mostrando o cotidiano de trabalho do pessoal da JAL, dentro dos aeroportos do Japão e das aeronaves, de uma forma descontraída e divertida, porém, não esquecendo sempre do rigor da qualidade e respeito no ambiente.

Tirando a protagonista Youko Misaki (da foto), "Attention Please" mostra um pouco sobre a atenção, a seriedade e o respeito que as comissárias de bordo trabalham principalmente durante os voos comerciais. Agora, sempre que for viajar de avião, vou me lembrar da "novelinha". ^^

Pelo jeito, a JAL está realmente numa situação crítica para divulgar a empresa numa novela, (risos). "Attention Please" (2a versão) possui 11 episódios, mais 2 especiais (Hawaii e Austrália). Mais uma sugestão "light" para quem curte "J-Drama".