28 de jan de 2014

2014: Ano de Conquistas ou Decepções para o Brasil?


Bom, pelo título vou ser bem sincero, mas é a minha opinião. Este ano de 2014 estará acontecendo a Copa do Mundo de Futebol no Brasil, organizado pela FIFA, mais as "temidas" eleições presidenciais e estaduais no segundo semestre.


Todo mundo já está careca de saber como estão as "maravilhosas" obras para o evento da Copa... estádios semi-acabados ou atrasados, estradas e vias de acesso um caos pelas obras hiper-atrasadas, obras nas rodoviárias e aeroportos indo em marcha super lenta... tudo isso com custo superfaturado, mais que o dobro ou triplo do que foi planejado.

Isso porque lá atrás, na época da escolha do Brasil para sediar a Copa e as Olimpíadas, as pessoas já estavam falando da corrupção e falta de planejamento que iria ter... e realmente aconteceu, como se não fosse óbvio (sarcasmo). As construtoras e os clubes pediram mais verbas para concluir as obras, o governo concebeu e mesmo assim, continua uma "palhaçada" o andamento das obras (me desculpem os palhaços, eles são muito mais dignos).

Estou pouco importando como os estrangeiros vão achar essa Copa, os brasileiros já estão sofrendo com essa falta de planejamento e essa vergonha na cara das autoridades brasileiras. Sou brasileiro e, claro, não sou um desertor, mas, pela primeira vez, não vou torcer para o Brasil de forma como torcia antes. O atual governo investiu pesado para essa Copa para termos "isso"? Aeroportos ainda sucateados, estradas horríveis, planejamento mal sucedido e claro, desvio de verbas públicas com o superfaturamento da organização do evento.

E agora, começou novamente alguns protestos, dessa vez com o tema "Não vai ter Copa". Infelizmente, essa manifestação não vai adiantar em nada para impedir a realização da Copa no Brasil, mas pode mexer com os brios do Governo, como mexeu mais ou menos ano passado, com tais protestos. Claro, abomino qualquer ato de violência e vandalismo como os tais "bad blocs" fazem, mas o aumento dos protestos são as nossas únicas formas de tentar fazer algo contra tamanhas falcatruas.

E as eleições deste ano também podem servir de arma contra o atual governo. Mas, como sempre, podemos ter mais uma eleição tumultuada e "viciada", com um acusando outro, compra de votos, etc... Chega. Não podemos mais ver esse tipo de atitude.  Se quisermos mudar este país, comecemos a mudar nossas atitudes. Chega de "receber favores e agrados" de políticos em troca de voto.

A Suécia está certíssima em recusar candidatura para os Jogos Olímpicos de Inverno de 2022, alegando prioridade no próprio país para investir seu dinheiro público. Infelizmente, o Brasil foi pelo caminho contrário, querendo "mostrar" ao mundo sua capacidade de organizar tais eventos, usando nosso dinheiro.

Agora fica a pergunta do título: conquistas ou decepções? Vamos ver no que vai dar...


10 comentários:

  1. Só um comentário...sediam a copa e a saúde pública um caos...somos obrigados a pagar planos de saúde se quisermos ter um atendimento digno (q nem sempre é cumprido mesmo sendo particular)...o bem maior deveria ser o bem estar da população ou a cura dela...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como dizia o Ronaldo... Não se faz copa do mundo com hospitais...

      Excluir
  2. Bem, se bobear essa copa também compraram... com o nosso dinheiro, é claro.
    E quanto às eleições, cada ano que passa não sei mais em quem votar... XD Êh Brasil....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já compraram logo quando o Brasil ainda não era o escolhido para sediar. Agora tá aí essa maracutaia.

      Excluir
  3. É claro que vão ocorrer manifestações durante a copa, mas duvido que do mesmo porte da que mexeu com o Brasil. Eu acho que valia mais uma, para ser transmitida para o mundo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, eu acho que pode até ter protesto mais violentos já que é o ano da Copa e das Eleições. Não sei, o povo tá explodindo pra qualquer motivo. O resultado a gente vê nos milhares de ônibus queimados só pra começar.

      Excluir
  4. eu ja estive mais otimista c/ o Brasil, agora nem tanto... esse país parece ser um caso perdido...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tá difícil mesmo manter o mesmo otimismo com tudo isso acontecendo já a decadas...

      Excluir
  5. Eu ando muito desanimada com tudo neste país. Do jeito que as coisas vão, vai demorar mais de século pra isso começar a melhorar, porque precisa acontecer primeiro a mudança de toda uma cultura de um povo. E, sinceramente? O governo compra os pobres com bolsa-tudo, compra os empresários com bolsa-BNDES, compra a imprensa com venda de propaganda das estatais e ainda paga um exército (a tal "MAV - Mobilização em Ambientes Virtuais) que tem como função difamar e atacar os poucos que ousam falar algumas verdades e mostrar para o povo tudo que de errado está acontecendo.... Como sair disso? Por isso, não tenho muita esperança não. Acho que isso aqui ainda vai piorar muito pra, quem sabe um dia...., começar a melhorar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente tá difícil manter o mesmo otimismo de antes. As coisas se repetem e nada é tomado de providências. O Brasil é o país da impunidade, por isso gera cada vez mais corrupção, violências, assaltos etc...

      Eu quero muito que o Brasil melhore nos três pilares da sustentação: Saúde, Educação e Segurança. Mas no passo que a gente caminha (se é que caminha), vamos sempre ser um país subdesenvolvido.

      Excluir