3 de nov de 2015

Game: Mitsurugi Kamui Rikae (PC)


Este game segue um gênero que não é bem um "beat en'up", como Streets of Rage ou Double Dragon, e sim, um gênero "Hack and Slash". Para quem não sabe, o gênero "HaS" é basicamente um sub-gênero de muitos RPGs que vimos por aí, onde o jogador controla um personagem, normalmente munido de espada, para destroçar os inimigos aos montes que vão aparecendo na tela. Com isso, cada vez que o jogador mata vários inimigos, vai subindo de nível, melhorando sua força, rapidez, estilos de golpes novos, etc.

"Mitsurugi Kamui Rikae" conta com uma protagonista estudante japonesa chamada Misa com habilidades monstruosas na kataná (espada japonesa), que pretende resgatar a antagonista Suzuka, cuja esta foi possuída por uma espada maligna e quer destruir sua amiga Misa. Até chegar em Suzuka, Misa enfrenta vários inimigos e chefes. A estória bem simples, sem muita especificação; dispensável. No início, o jogador só possui os golpes básicos de Misa e seu status é fraco; por isso, zerar o game de cara é praticamente impossível, tendo que necessariamente, jogar várias vezes as mesmas fases para incrementar sua personagem até se equiparar com forças e habilidades suficientes para encarar os chefões finais. Assim, que vai liberando novos golpes, o jogador deve aprender como executar os comandos de modo sincronizado para obter sucesso enfrentando inimigos mais difíceis sem sacrificar muito do tempo e life.



O jogo possui golpes lindos e rápidos de se ver, mostrando a beleza nas artes das técnicas "Hiten Mitsurugi" iguais a do Kenshin Himura, do animê e filme Samurai X. A complexidade e variedade nos golpes de Misa são pontos fortes no jogo, mesmo que haja diferentes golpes, o jogador vai se acostumando aos poucos com essa variedade e aí pode notar que uma ou outra técnica são melhores para se vencer os chefões. Os gráficos são dentro do esperado, e para quem curte meninas colegais estilo Dead or Alive, pode-se também desbloquear roupas extras para a Misa, bastando pra isso, terminar o game nos três modos e obter XP o suficiente para comprar mais vestimentas. O som é bom, com uma trilha sonora estilo rock, mas sem muita atratividade maior.  Uma pena o game ser curto, com apenas 5 fases, mas o jogo pede pro jogador zerar várias vezes justamente para desbloquear tudo o que tem de disponível. Mas já vou avisando: o jogo não é fácil de se zerar, com exceção do modo "easy".


Quem curte jogos de luta estilo beat en'up e hack and slash, com temática japonesa, Mitsurugi Kamui Rikae é uma boa opção de jogo. Valeu os cinco reais que investi nele, tehehe.

2 comentários:

  1. Vc falou em não sacrificar o tempo. Tem limite de tempo nesse jogo?

    Acho que nunca joguei um desse estilo Dynasty Warriors

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que interpretei mal o texto. É que o game exige jogar várias vezes tudo de novo para aumentar os skills da Misa. Em vez de tentar derrotar os chefes várias vezes, é melhor jogar tudo de novo, preservando os XPs e levels até chegar aos mesmos para evitar aborrecimentos futuros, tehehe.

      Excluir