31 de ago de 2009

Game Nostalgia (VI): Golden Axe

Um clássico que merece destaque. Antes de colocar o referido post, achei, na minha opinião, a melhor versão do tema de “Wilderness” orquestrada, tema clássico do game "Golden Axe". Quem conhece o game, vale a pena escutá-la um pouco. Coloquei-a abaixo, apenas a música.


Se quiser, clique no “play”, enquanto acompanha o post abaixo.

Versão medieval dos clássicos de luta, "Golden Axe" marcou uma era dos guerreiros medievais, misturando poderes mágicos e animais místicos. Estilo "Double Dragon", também pode-se escolher entre três guerreiros: um "Conan", uma "Xena" de biquíni vermelho e um anão chifrudo com um machado maior que ele. Cada um possui poderes mágicos diferentes e cada vez que os personagens adquirem potes azuis de duendes azuis, aumenta a barra de magia deles, consequentemente, aumentando o poder de destruição das magias.

O esquema era básico: bate os inimigos, anda para a direita até chegar ao chefão de cada fase. Fórmula batida, mas que, para aquela época era um sucesso, aliás, para muitos saudosistas, assim como eu, nem ligava muito nesse detalhe. O importante era o fator diversão. A versão para "arcade", estourou nos fliperamas da época. Tamanho sucesso, a Sega, criadora do game, criou suas versões para Mega Drive, Master System, Amiga, etc...

O primeiro "Golden Axe" tinha músicas muito boas e os gráficos eram excelentes para a época. Uma pena que o game era muito curto, ou seja, não tinha muitas fases. A versão do Mega Drive incluía uma fase a mais, encarando duas vezes o bonequinho do chefão final, com um detalhe que o segundo bonequinho possuía todas as magias dos guerreiros e bastava o computador acioná-lo que a barra de energia dos jogadores minava. Um mero detalhe, mas que deixou o game da versão do Mega mais difícil (fora os malditos esqueletos que não morriam nunca...). Ah, outro "defeito" era que os inimigos eram muito burros: Bastava você seguir até um precipício que eles muitas vezes se jogavam lá. Porém, não deixava de ser hilário.

Enfim, foi um marketing de sucesso da Sega, que resolveu depois, lançar suas continuações. Aí que a Sega pisou na bola. "Golden Axe 2" para arcade nunca joguei e parece que foi um fracasso; a versão 2 para Mega Drive foi melhorzinha, mas a jogabilidade era ruim e acabou ficando muito "massante" terminá-lo, apesar de novas magias. Golden Axe 3 então nem se fala: fracasso total que nem vou mencioná-lo aqui.

Mas, mesmo com seus revés, G.A. mereceu destaque na história dos games, mas que, infelizmente, suas continuações o fizeram enterrar sua "marca". Fica aqui registrado mais um "Game Nostalgia".

9 comentários:

  1. Eu joguei os 3 e agora não me recordo direito, mas tinha um deles em que a gente era atingido praticamente por todos os inimigos que encontrava pela frente. É mesmo! Os carinhas tipo wolverine eram super chatos! Sabe de quais estou falando, né?
    A sensação de jogar uma coisa inovadora, como foi a primeira vez no Golden Axe, é inesquecível. Não consigo mais sentir o mesmo hoje em dia.

    ResponderExcluir
  2. Puxa, wolverine nao me lembro nao. Eu odiava os esqueletos. Eles tinham quase todos mesmos golpes que a gente e tirava duas barras de energia nossa.

    Pior que hoje em dia, eu jogo games do genero e... 20 minutos depois ja fico enjoado de jogar.

    ResponderExcluir
  3. Os carinhas com garras tinham o hábito de dar encontrão na gente, sem falar no alcance absurdo dos golpes. As caveiras também eram chatas.
    Hoje em dia, em 20 minutos a gente termina o jogo, né. ^^

    O G1 que vc falou lá no meu post é o site da Globo ou é algum de games que desconheço?

    ResponderExcluir
  4. Gostaria muito de ter experimentado essas emoções! Hoje me contento com o Flight Simulator 2004 e Fórmula 1 do ano de 2002. Como tirei o “Brevê”, no aeroclube de Presidente Prudente, consigo fazer planos de vôo e viajar pelo mundo. O que mais cativa é a proximidade da realidade. Os aeroportos, as paisagens consideradas maravilhas do mundo, aparecem de forma muito semelhante. E até já consegui fazer um pouso com uma aeronave Cessna sobre o Fuji-San.

    ResponderExcluir
  5. Não cheguei a jogar Flight Simulator, mas as primeiras versões do game para PC, se não me engano, saíram mais ou menos na época de G.A., ou até antes.
    Não sabia que tem um brevê. Que legal.

    ResponderExcluir
  6. Em relação ao comentário no post do Kodi, se ler de novo, vai perceber que não escrevi "aonde", mas "aonde?" (ênfase na interrogação) - com um sentido mais ou menos como "quem disse?" ou "de jeito nenhum!!".
    Não garanto que é regionalismo, mas nunca vi alguém falando com o mesmo sentido por aqui. :)

    ResponderExcluir
  7. Nossa, eu nunca joguei o Golden Axe! Que coisa!! Mas gostei da música! :)

    ResponderExcluir
  8. Com essa musica epica, deu vontade de fazer um video com o tema...

    ResponderExcluir
  9. É, esse eu não joguei, mas esses temas clássicos provocam uma nostalgia e tanto...

    ResponderExcluir